Final de ano, final de projeto, final do estresse. PARTE I

Pois eh. Tempo sem postar, mas tentarei escrever sobre todo esse tempo passado sem dar noticias. Entao, comecemos do comeco.
 
No ultimo semestre do ano passado tinhamos uma grande tarefa a realizar. Algo grandioso, que nos faria chegar em casa e falar, com o peito cheio de orgulho:"NAO AGUENTO MAIS!!!". Em suma o projeto interdisciplinar da faculdade era simples em teoria: escolher um cliente (empresa) nao muito grande; trabalhar a comunicacao interna e a relacao empresa-funcionario; trabalhar logomarca, papelaria, comunicacao externa em geral, mas somente a comunicacao da empresa, nao promocoes nem propagandas sobre nada que eles comercializem, o objetivo eh dar uma nova cara para o neogcio, uma renovacao de imagem. Para quem gosta de publicidade, esse trabalho eh suuuuper legal, ainda mais quando existe um diploma como recompensa.
 
OK. Grupo de 6 pessoas formado, empresa escolhida, animo a mil. O que poderia dar errado???!!! Open-mouthed
 
Portanto, lembrem-se: sempre que eu disser "o que poderia dar errado???!!!" me chicoteiem.
 
O grupo era muito legal e tal. O primeiro problema eh entender que pessoa legal nao eh necessariamente pessia esforcada ou muito menos eficaz. O Lula foi eleito porque ele deve ser realmente super legal, e porque ele dava broches em formato de estrelinha vermelha pras pessoas colocarem nas roupas e isso as fazia sentir como as "South America’s next top model", e isso deve ser bem legal mesmo, mas na pratica o homem eh apenas um pobre, bebado que deixou o sucesso subir a cabeca e saiu por ai comprando jatinhos porque nao queria passar vergonha quando tivesse que passar pela alfandega de voos normais. Pronto, falei. Mas nao foi por maldade, juro.Angel
Resumindo, dividimos tarefas e fomos atras de resultados. Claro, como o projeto eh INTERDISCIPLINAR, do grego, INTER significa varias partes diferenciadas porem com um ponto em comum, e do latim DISCIPLINAR que significa "trabalho de escola ou outro local estudantil que vai te dar dor de cabeca e vontade de matar algum animal", porque aquilo nao pode ser chamado de ser humano. No minimo a mae jogou a crianca fora e criou a placenta, porque realmente nao eh possivel.
O primeiro super desafio dedicado aos grupos do super hiper max mega plus projeto interdisciplinar turbo foi da disciplina sobre inteligencia competitiva. O que era esperado de nos: conseguir, de alguma maneira, dois contatos com profissionais da area de inteligencia competitiva e fazer uma entrevista simples com 10 perguntas com eles, sobre a profissao e como ela eh aceita no mercado de trabalho, sua impolrtancia no mercado tao competitivo e bla bla bla.
Como na epoca eu ja era escravizado (vide post anterior), perguntei ao sinhozinho como poderia conseguir a entrevista com o senhor do engenho. Me passaram um e-mail do cara que seria o responsavel pelo bagacinho da seguranca la e eu mandei um e-mail todo pomposo pedindo educadamente um pouco do orvalho da chuva da agua evaporada do mar de conhecimento que o cidadao possuia. Bom, claro, como o caso era SEGURANCA DA INFORMACAO, ele se fez de desentendido e falou que o assunto nao era com ele, que ele nem sabia do que se tratava. Tipo um momento Alzheimer, sabe?
Enfim, antes de receber a resposta negligente do senhor da seguranca Alcatelina, tivemos uma aula onde a professora reuniu o grupo e perguntou como estavamos indo. Ai que eu comecei a perceber que as coisas nao seriam como eu esperava…
A professora perguntou o que cada um tinha feito para conseguir a tal entrevista com um dos capitoes dos navios do mar do conhecimento. Eu disse que havia enviado a tal carta pelo correio eletronico mundial para o carinha la, e dai os outros foram falando o que tinham feito, e nesse momento, meus senhores, eu so queira poder cavar um buraco no chao, enfiar a cabeca la e so sair dali depois de uns 10 anos… Fora as tentativas de alguns em dizer "eu mandei um e-mail pra coca-cola e estou esperando resposta…", como se a Coca-cola fosse ligar para a sua matriz em Atlanta e dizer "Genteeeeeeeeeeee!!! Voces nao vao acreditar!!!! Um(a) suuuuuuuper aluno(a) da suuuuuuuuper universidade Anhembi Morumbi me suuuuuuuuuper mandou um e-mail hoje querendo falar com o suuuuuuuuuper responsavel pela suuuuuuuuuuper seguranca da informacao da nossa suuuuuuuuuuuper empresaaaaa!!! Vamos dar o telefone do cara pra ele (a) e suuuuuuuuuuper marcar um jantar, e de lambuja ja dar a suuuuuuuuper formula secreta da suuuuuuuuuuper Coca-cola??? A gente tem que fazer mais amizades nos paises de terceiro mundo, ne, gentiiiii!!! Ficar mais perto dos suuuper consumidores e tal!!!!". Eh muito para a compreensao do homo-sapiens. Muito. Alem de outras desculpinhas (claro que teve gente, no caso, duas, que realmente mandaram e-mails pra onde trabalhavam e tal) a que ganhou o premio Nobel na categoria "nao fiz a licao de casa e falei que o meu ponei de estimacao comeu meu caderno" foi um integrante que disse "eu pesquisei no Google "EMPRESAS COM SETOR DE INTELIGENCIA COMPETITIVA" e deu uma no resultado. Peguei o endereco de e-mail e mandei uma mensagem dizendo "os senhores poderiam por favor me responder essa pesquisa?" e anexei o arquivo com as 10 perguntasOpen-mouthed".
 
 
Disappointed
 
 
Um minuto de silencio…
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Sim… eu tive que ouvir isso… e eh claaaro que a professora esculhambou todo o grupo por causa das taticas um tanto… nao ousadas… dos integrantes…
Depois da humilhacao e de tentar reerguer a cabeca, o jeito era dar bronca geral no grupo e continuar a procura dos profissionais. Uma das integrantes conseguiu uma resposta de um professor da area, que se nao me engano ja havia atuado mas agora so da aulas em universidades. Ele respondeu a pesuisa. Mas e a segunda pesquisa para montar o relatorio final e a apresentacao?
O jeito foi improvisar… Como a professora ja havia explicado 920384752093845620934675298347528937465029384752934875 vezes o que um profissional da area de intelgiencia competitiva tinha que fazer, e colocou na web 98275436390284765239084673259048673485906 textos sobre o assunto e eu li todos, eu resolvi virar um profissional nessa area, tao competente que eu poderia abrir uma franquia de lanches e granhar a concorrencia com o Mc Donalds e Burger King JUNTOS, porque eu era O profissional, entende? Me chamavam de Dr Expert na minha empresa imaginaria, que eu era dono, logico, sem dizer que eu ja teria comprado a Microsoft e a Sony numa hora dessas. Ai, eu me apoderei do nome do cara que teve a sindrome de Alzheimer momentaneamente na Alcatel e respondi a pesquisa como se eu fosse ele, escrevendo tudo o que a professora queria ler numa entervista dessas. Montamos a apresentacao, e seja o que DEUS QUISER!!!
Durante a apresentacao, algumas pessoas simplesmente decoraram os slides, outras falaram pouco e errado (uma bonita falou que espionagem nao era ilegal. CLAAARO. Por onde ela andou durante as aulas, senhor misericordioso??) entre outras pequenas falhas. Eu fui la na frente e falei como se eu estivesse falando com os profissionais subordinados da minha super empresa de inteligencia, e na semana seguinte, veio a nota com comentarios da professora…
Tiramos 9. Nosso grupo foi um dos melhores da sala, eu falo muito bem em publico (na verdade, nao EU de EU mesmo, mas EU como dono de uma empresa multinacional de inteligencia que havia acabado de comprar a Toshiba e a Nissan tambem) e que as nossas entrevistas, principalmente a segunda (minha) foi uma das melhores entrevistas que ela ja tinha lido sobre o assunto na vida dela. Claro que ela comentou os "errinhos" dos outros integrantes do grupo, mas enfim, em geral fomos bem.
 
Enfim, isso foi uma previa do que ainda enfrentariamos no nosso super "PROJETO INTERDISCIPLINAR!" que enfrentariamos nos proximos meses. E como aconteceu muita coisa durante o percurso, nao quero escrever tudo num post so senao a tendinite vem me visitar e nao vai mais embora. Enfim, o jeito eh esperar pelos proximos posts e comentar, que de repente eh legal!😄
 
Saudacoes e ateh breve.
 
atenciosamente,
comite do Nobel do texto eletronico.
Comments
One Response to “Final de ano, final de projeto, final do estresse. PARTE I”
  1. Mario F. disse:

    Gatineau ce 17.01.08, il est 1.57h et je ris de bon coeur.  Salut à toi le plus beau et surtout le plus drôle des Brésiliens. Enfin, grâce à Babel Fish de Yahoo, j\’ai compris à 80% ton texte.  J\’ai enfin compris ton fameux projet, interdisciplinaire (latin et grec!!!). Il y a eu des paresseux dans ton groupe, une conne légale (nounounne au Québec), un Alzheimer en devenir, un bel étudiant qui "trafique" photo et entrevue… et une enseignante suuuuuuuuper nounounne… qui est tombée sous ton charme à cause de ta voix, ton sex-appeal et tes b… f… rondes.  Petit coquin… Ne joue pas trop avec ton corps … une tendinite arrive si vite.  CONTINUE d\’être un rayon de soleil et de joie dans ma vie… J\’attends avec impatience la 2e Partie… en direct de Vail, Colorado. Gros bisous, de l\’intelligence en déclin???? Mario  XDDDDDDDDDDD

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Minha Vida Antes dos 30 em números

    • 25,917 acessos
%d blogueiros gostam disto: